O que fazer no Rio de Janeiro durante a Pandemia

por | 11 set, 20

O Rio de Janeiro continua sendo uma das cidades mais procuradas para o turismo nacional, e não é por menos, o Rio continua sim uma Cidade M-A-R-A-V-I-L-H-O-S-A!

E agora que com as restrições da Pandemia os turistas brasileiros e os cariocas estão redescobrindo o Rio. Eu confesso, fazia tempo que não via tantos turistas brasileiros por aqui… Obaa, venham mesmo!!

Eu já sei o que você está pensando… “Mas eu já fui várias vezes pro Rio e conheço tudo!”…  Será que conhece mesmo?

Aqui vão algumas dicas de lugares incríveis que vão além do Corcovado e Pão de Açúcar (por sinal imperdíveis) e que são mais seguros neste período de restrições, pois estão ao ar livre ou seguindo os protocolos de segurança contra o Covid-19.

1) Mureta da Urca

Fim de tarde, pôr do sol, vista fantástica, cerveja gelada e pastelzinho de camarão.

Não digo mais nada, simplesmente faça isso.

Endereço: Av. João Luiz Alves, Urca. Próximo à Fortaleza de São João

2) Praia da Reserva

Muitas vezes completamente deserta e não tão distante quanto Grumari e Prainha, é impressionante que exista ainda uma praia assim dentro da cidade do Rio. Entre a Barra da Tijuca e o Recreio dos Bandeirantes, a Praia da Reserva tem de cerca de 8 km e fica em frente uma área de reserva ecológica, por isso tem poucos quiosques, poucas vagas para carros e sem o agito de pessoas e ambulantes. Leve sua cadeira e água. Mas fique ligado pois até esta data as praias do Rio ainda contam com restrições da Pandemia: você pode fazer esportes, nadar, caminhar, só não pode sentar ou deitar na areia.

Endereço: Av Lucio Costa entre Barra da Tijuca e Recreio dos Bandeirantes

3) Parque das Ruinas

Antiga mansão residencial que no início do século 20 foi ponto de encontro de artistas e intelectuais, hoje as ruínas da casa foram transformadas em um centro cultural, com apresentações de arte, música e atrações ao ar livre.

Suba as escadas até a plataforma superior para uma visão panorâmica do centro do Rio e da Baía de Guanabara. Aproveite pra almoçar em Santa Teresa.

Endereço: R. Murtinho Nobre, 169 – Santa Teresa. A entrada é gratuita e fica aberto de terça a domingo, das 8h às 20h

4) Jardim Botânico e Parque Lage

Bem próximos um do outro, a dica é visita-los no mesmo passeio. Ambos com espaços verdes ótimos para passear, belos jardins e oportunidades para fazer lindas fotos. É também um dos melhores lugares para avistar animais como saguis, tucanos e macacos-prego. Sugiro começar com um café da manhã no Parque Lage (no pátio do prédio da Escola de Artes Visuais que é liinndooo) e depois visitar o Jardim Botânico. Vai por mim, vale a pena.

– Parque Lage: Rua Jardim Botânico, 414. Entrada gratuita. Aberto de terça a domingo, de 10h às 16h. PLAGE CAFÉ: de 9h às 17h

Parque Lage: Rua Jardim Botânico, 414. Entrada gratuita.
Aberto de terça a domingo, de 10h às 16h.

PLAGE CAFÉ: de 9h às 17h

Jardim Botânico: Rua Jardim Botânico, 1008. Entrada R$ 15,00.
Aberto segundas-feiras, das 12 às 17h, e de terça a domingo, das 8h às 17h.

5) Pedra do Arpoador

Se você ainda não foi, vá. Entre a praia de Ipanema e de Copacabana, a pedra do Arpoador é uma rocha enorme, com degraus e passagens que permitem fácil acesso até o topo.

Dalí a vista do pôr do sol é linda, mas a visita vale a pena a qualquer hora do dia… vistas sensacionais do mar e da orla de Ipanema e do Leblon.

Endereço: Av. Francisco Bhering, s/n. Ao lado da Praia do Diabo

6) Mural do Kobra

Em 2016 o artista Kobra trabalhou 12 horas por dia durante 2 meses para concluir o mural, que ficou pronto logo antes da abertura dos Jogos Olímpicos do Rio. Representando os 5 continentes foi intitulado de “Etnias”.

É realmente um trabalho impressionante, que rende lindíssimas fotos e ainda de quebra você pode aproveitar para passear pelo Boulevard Olímpico e visitar o Museu do Amanhã, a Roda gigante (Rio Star) ou o Aquário do Rio (Aqua Rio).

Endereço: Av. Rodrigues Alves, 241. Em frente o Armazém 4

7) Escadaria Selarón

A famosa escadaria que te leva da Lapa à Santa Teresa tem 215 degraus cobertos com mais de 2.000 azulejos de mais de 60 países. Uma obra de arte feita por Jorge Selarón, um artista chileno falecido em 2013.

Não vá lá somente para tirar fotos incríveis, mas observe também os detalhes dos azulejos, alguns muito especiais como azulejos que representam a princesa Diana, Deuses Hindus, países exóticos, assim como vários azulejos com sua marca registrada – uma mulher africana e grávida.

Endereço: Rua Manoel Carneiro s/n. Próximo aos Arcos da Lapa

8) Rio Helicopters

Claro, não poderia faltar um bom passeio de helicóptero. E este passeio é super completo. Em 30 minutos de voo você vê o Pão de Açúcar, Ipanema, Copacabana, Floresta da Tijuca, Rocinha, Lagoa e fica cara a cara com a estátua do Cristo Redentor!

Ufa… Com vistas de tirar o folego e também um passeio seguro contra o Covid 19, pois a Rio Helicopters segue os protocolos contra o virus e não coloca você sentado ao lado de estranhos, todos os voos são privativos.

Reservas: 21 98893-3909 ou [email protected]

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

pt_BR
pt_BR en_US fr_FR es_ES it_IT